Gêneros
Administração
Artes
Astrologia
Biografia/ Memória
Chick Lit
Ciências
Ciências Políticas
Ciências Sociais
Cinema
Contos/ Crônicas
Culinária
Desenvolvimento pessoal
Desenvolvimento profissional
Economia
Educação
Ensaio/ Teoria literária
Entretenimento
Esoterismo
Espiritualidade
Filosofia
Geografia
Guerra
Guia
História
Infantil
Jovem Adulto
Juvenil
Literatura
Negócios
Obras de referência
Pensamento
Poesia
Policial
Política
Psicologia/ Psicanálise
Quadrinhos
Qualidade de vida
Relacionamento
Religião
Reportagem
Romance brasileiro
Romance estrangeiro
Romance histórico
Suspense
Teatro
Thriller
Viagem/ Aventura
Coleções
Autores
Tenha acesso a
conteúdos exclusivos.

leitor
livreiro
professor

Email:
Senha:
Lembrar senha
Ciências Home > Ciências > O último teorema de Fermat
O último teorema de Fermat
Autor: Simon Singh
Título Original: Fermat's last theorem
Tradutor: Jorge Luiz Calife
EAN: 9788501050069
Gênero: Ciências
Páginas: 328
Formato: 14x21
Editora: Record
Preço: R$ 62,90
   

Com esta anotação incompleta, feita em 1637 no livro Aritmética, de Diofante, o matemático francês Pierre de Fermat, que morreu antes de descrever seu teorema, lançava o desafio que  iria confundir e frustrar os matemáticos mais brilhantes do mundo por mais de 350 anos. O último teorema de Fermat, como ficou conhecido, tornou-se o Santo Graal da matemática. Vidas inteiras foram devotadas — algumas até mesmo sacrificadas — à demonstração de uma equação aparentemente simples. O livro é a história da busca épica para resolver um dos maiores enigmas de todos os tempos. Um drama humano de grandes sonhos, brilho intelectual e extraordinária determinação.

Leonhard Euler, o maior matemático do século XVIII, teve que admitir a derrota. Sophie Germain assumiu a identidade de um homem para poder pesquisar num campo que era fechado às mulheres, e conseguiu avanços significativos no século XIX. Évariste Galois passou a noite escrevendo os resultados de sua pesquisa, antes de morrer num duelo em 1832. Yutaka Taniyama, cujas descobertas levariam à solução do enigma, matou-se em 1958. Paul Wolfskehl, um famoso empresário alemão, criou um prêmio valioso para a primeira pessoa que demonstrasse o teorema.

Surgiu, então, um professor de Princeton, Andrew Wiles, que sonhava em demonstrar o último teorema de Fermat desde que o vira pela primeira vez, ainda menino, na biblioteca de sua cidade. Com medo da sucessão de fracassos de seus antecessores, durante sete anos publicou artigos sobre outros assuntos, de modo a despistar os colegas, enquanto trabalhava em sua obsessão. Em 1993, passados 356 anos desde o desafio de Fermat, Wiles assombrou o mundo ao anunciar a demonstração. Mas sua luta ainda não havia terminado. Um erro o fez voltar às pesquisas por mais 14 meses, até que, em 1995, ele ganhou as páginas de jornais do mundo inteiro e 50 mil libras da Fundação Wolfskehl.

Simon Singh

Simon Singh é Ph.D. em física de partículas ...



A ilha do conhecimento: Os limites da ciência e a busca por sentido
Marcelo Gleiser
R$ 64,90

Obsessão prima
John Derbyshire
R$ 77,90

QS: Inteligência espiritual (edição de bolso)
Danah Zohar, Ian Marshall
R$ 34,90


Autor Carlos Minuano participa do talk show 'The Noite com Danilo Gentili'
13/07/2018
Saiba mais

Jornalista inclui canal 'Alexandrismos' em sua lista de favoritos
Alexandra Gurgel é citada como 'influenciadora do bem' por jornalista
09/07/2018
Saiba mais

Novo livro de Fabricio Carpinejar entra para a lista de mais vendidos da Veja
04/06/2018
Saiba mais

Contos de Nei Lopes são tema de curso no Centro Afrocarioca de Cinema
Saiba mais