Gêneros
Administração
Artes
Astrologia
Biografia/ Memória
Chick Lit
Ciências
Ciências Políticas
Ciências Sociais
Cinema
Contos/ Crônicas
Culinária
Desenvolvimento pessoal
Desenvolvimento profissional
Economia
Educação
Ensaio/ Teoria literária
Entretenimento
Esoterismo
Espiritualidade
Filosofia
Geografia
Guerra
Guia
História
Infantil
Jovem Adulto
Juvenil
Literatura
Negócios
Obras de referência
Pensamento
Poesia
Policial
Política
Psicologia/ Psicanálise
Quadrinhos
Qualidade de vida
Relacionamento
Religião
Reportagem
Romance brasileiro
Romance estrangeiro
Romance histórico
Suspense
Teatro
Thriller
Viagem/ Aventura
Coleções
Autores
Tenha acesso a
conteúdos exclusivos.

leitor
livreiro
professor

Email:
Senha:
Lembrar senha
Artes Home > Artes > Doce deleite
Doce deleite
Autor: Alcione Araújo
EAN: 9788520009017
Gênero: Artes
Coleção: Teatro de Alcione Araújo
Páginas: 160
Formato: 14 x 21 cm
Editora: Civilização Brasileira
Preço: R$ 32,90
   

Um dos autores de teatro mais respeitados do país, premiado roteirista de filmes e vencedor de dois prêmios Jabuti, Alcione Araújo arrancou aplausos e gargalhadas da platéia carioca em 1981 com a peça Doce deleite, estrelada magistralmente por Marília Pêra e Marco Nanini, que ficou quatro anos em cartaz. Quase três décadas após a primeira montagem, a peça repetiu o sucesso com o público com nova encenação em 2008, dessa vez com Camila Morgado e Reinaldo Gianecchini no elenco e a própria Marília na direção.

Publicado originalmente no terceiro e último volume da série Teatro de Alcione Araújo (1999), que reúne 12 peças escritas pelo dramaturgo, o texto ganha agora uma edição especial, independente, com apresentação do autor, além de entrevistas com os atores Camila Morgado e Reinaldo Gianecchini, que falam sobre sua participação na segunda montagem da peça e do processo de criação dos personagens. Com este primeiro volume, a Civilização Brasileira retoma a série Teatro de Alcione Araújo, que nesta nova fase trará textos curtos, dentre eles alguns inéditos.

Com humor vivo e exuberante, Doce deleite é uma comédia em 12 quadros que revela os bastidores de um teatro e de seus personagens, tanto no palco quanto nas coxias. Escrita em 1980, época em que o clima no país era de animação com o retorno dos exilados políticos, respirava-se alguma esperança e a liberdade parecia à mão, a peça utiliza diferentes formas do mesmo gênero – a comédia – para homenagear o teatro como a mais remota arte de representar.

Com um par de atores, que se desdobram em vários papéis, Doce deleite quer celebrar um tipo singular de artista cuja criação dá vida, corpo, voz, feições e emoções a entes que não existem, assim como aos que existem nos bastidores, mas que parecem não existir, porque nunca vêm ao palco, como contra-regras e bilheteiros.

Nas palavras do diretor Aderbal Freire-Filho, que foi iluminador da primeira montagem e assina a orelha do livro: “Alcione brinca com o teatro, debocha dele, dos seus ditos e mitos, dos seus ofícios e oficiais, das suas pretensões e misérias. Um prato feito para mostrar que teatro é arte tão poderosa que pode não se levar a sério”.

Alcione Araújo

Alcione Araújo deixou a carreira de professor universitário, ...



Feito tatuagem
Danee Suave
R$ 19,90

De pai para filho
W. Tierno e Francine Rosa Medeiros
R$ 9,90

Ateliê Fashion: Estampas para colorir
Rafaella Machado
R$ 9,90


Alcione Araújo autografa Ventania em Recife
Recife/PE
16/01/2011
Saiba mais

Alcione Araújo autografa "Ventania" no Recife
Recife/CE
16/01/2012
Saiba mais

Alcione Araújo participa de palestra e autografa Cala a boca e me beija
Belio Horizonte/MG
20/10/2011
Saiba mais