Gêneros
Administração
Artes
Biografia/ Memória
Chick Lit
Ciências
Ciências Políticas
Ciências Sociais
Cinema
Contos/ Crônicas
Culinária
Desenvolvimento pessoal
Desenvolvimento profissional
Economia
Educação
Ensaio/ Teoria literária
Entretenimento
Esoterismo
Espiritualidade
Filosofia
Geografia
Guerra
Guia
História
Infantil
Jovem Adulto
Juvenil
Literatura
Negócios
Obras de referência
Pensamento
Poesia
Policial
Política
Psicologia/ Psicanálise
Quadrinhos
Qualidade de vida
Relacionamento
Religião
Reportagem
Romance brasileiro
Romance estrangeiro
Romance histórico
Suspense
Teatro
Thriller
Viagem/ Aventura
Coleções
Autores
Tenha acesso a
conteúdos exclusivos.

leitor
livreiro
professor

Email:
Senha:
Lembrar senha
Notícias Home > Acontece > Notícias

Record lança livro com cartas do oficial da SS Heinrich Himmler

A Record publica em setembro “Heinrich Himmler – Cartas de um assassino em massa”, organizadas pelo professor de história alemã Michael Wildt e Katrin Himmler, escritora e sobrinha-neta do nazista. Trata-se das cartas trocadas entre o oficial da SS e sua mulher, Margarete. À frente da polícia alemã, Himmler foi responsável pelo terror, a perseguição e o extermínio dos judeus da Europa. Por volta do fim da guerra, foi promovido a ministro do Interior e, em seguida, nomeado comandante do exército de reserva. As cartas dele à mulher foram encontradas em Tel Aviv, Israel, décadas depois do suicídio de Himmler, em 1945, ao ser detido, e são um complemento perfeito às cartas de Marga – conservadas no arquivo federal de Koblenz. Na correspondência, além do cotidiano de classe média burguesa do casal e os privilégios que tinham durante a guerra, observa-se o racismo e o antissemitismo dos dois. Marga, enfermeira e com passagens pela Cruz Vermelha Alemã, escreveu ao marido: “Esse bando de judeus, os polacos, em sua maioria não tem qualquer semelhança com seres humanos, e, além do mais, essa indescritível imundície.” Parte do acervo da família Himmler foi utilizada no documentário “Um homem decente”, da cineasta israelense, Vanessa Lapa, exibido no Festival de Berlim de 2014.



Outras notícias

 Escritoras transformam heróis do imaginário popular em heroínas

 Record lança coletânea de textos sobre o impeachment

 João Almino publica pela Record seu sétimo romance

 Nova série de Audrey Carlan chega às livrarias em agosto

 Carina Rissi recria o universo de Branca de Neve em "Menina veneno"

 BestSeller aposta em lançamentos de grandes nomes da política internacional

 Saga “Trono de vidro” ganha site com jogos e conteúdo exclusivo

 Verus compra os direitos de dois livros de Elisabeth Norebäck

 Novidades de Luize Valente no cinema e na literatura

 Trilogia sueca será publicada pela Verus