Autor do dicionário Webster, John Whitlam, morre aos 57 anos

16/03/2018 5 visualizações

O Grupo Editorial Record lamenta a morte do linguista John Whitlam, autor responsável pela versão mais recente do conceituado dicionário português-inglês/inglês-português Webster.

O dicionário estava há alguns anos fora de circulação e foi refeito e lançado em 2015 pela Record sob o olhar criterioso de Whitlam, responsável pela produção de outros dicionários que estão na lista dos mais vendidos do gênero.

O escritor era mestre em Modern and Medieval Languages pela University of Cambridge (1984) e em Advanced Japanese Studies pela University of Sheffield (2003). Trabalhava como professor visitante no curso de pós-graduação de Tradução de Inglês da Universidade Estácio e mantinha um blog sobre pensamentos acerca de línguas e linguagens.

John Whitlam  morava no Rio e faleceu na última quarta, 14,  enquanto realizava exercícios físicos em uma academia.