Dica para os pais que inspiram histórias

8/08/2021 216 visualizações

Neste domingo (8), celebramos o dia dos pais. Momento para homenagear os pais e fortalecer os laços familiares.

Aproveitamos a data para indicar um livro para cada tipo de pai e para todos quem amam uma boa leitura. Confira.

Suspense policial: 

O homem que brincava com fogo, de Jan Stocklassa vai deixar os fãs de investigação ávidos por conhecer todo o conteúdo dos arquivos de Larsson. Nunca na história um chefe de Estado fora assassinado sem deixar rastros, à queima-roupa e em uma rua de Estocolmo. Apesar de ser famoso internacionalmente por seus vilões fictícios, Larsson tinha um ótimo relacionamento com seus informantes da vida real e conseguiu documentar atividades extremistas em todo o mundo. Durante anos, acumulou evidências que ligavam atos terroristas desses grupos ao que ele chamou de “um dos casos de assassinato mais surpreendentes” que já havia coberto. Porém o arquivo de Larsson foi esquecido até o jornalista Jan Stocklassa ter acesso exclusivo ao projeto secreto do autor.

Música:

A incrível trajetória de Roger Daltrey, o vocalista do The Who, está em Valeu, professor Kibblewhite junto com curiosidades sobre as gravações de grandes sucessos da banda e os inesquecíveis álbuns Who’s Next, Tommy e Quadrophenia. O encarte de fotos com imagens exclusivas dos bastidores e da vida de Daltrey é um presente a parte. A biografia do vocalista engloba a infância humilde em meio ao caos londrino até as famosas histórias sobre bastidores, brigas internas e loucuras que ele e seus companheiros de banda viveram tanto no palco quanto fora dele. Cercada de momentos marcantes a biografia de Daltrey traz os acontecimentos inesperados durante o festival Woodstock, o início de sua carreira solo e as aventuras no cinema.

Clássico:

Clássico da literatura, O poderoso chefão inspirou um dos maiores filmes de todos os tempos. Na obra de Mario Puzo, Don Corleone é um homem amigável, justo, um homem arrazoado. O capo mais mortal da Máfia. O padrinho, o poderoso chefão.

Obra-prima moderna, O poderoso chefão é um retrato contundente do submundo do crime dos anos 1940. Chocante mesmo cinquenta anos depois de ter sido publicado pela primeira vez, essa história convincente de chantagem, assassinato e valores familiares é um verdadeiro tem que ler.

Romance histórico: 

Santo Guerreiro: Roma invicta marca a estreia do talentoso carioca Eduardo Spohr no gênero romance histórico. Neste primeiro volume temos a versão mais fidedigna já escrita sobre a vida de Gergios, o soldado romano eternizado e admirado em todo o planeta como São Jorge. Um dos santos mais populares do mundo é adorado por católicos, ortodoxos, anglicanos e devotos das religiões de matriz africana. Na iconografia é representado por um cavaleiro brilhante, com armadura completa, armado de lança e enfrentando um dragão. No entanto, esta imagem é meramente alegórica. Para saber a história completa de Jorge (ou Georgios, seu nome grego), e mais detalhes deste que não foi um guerreiro medieval e morreu executado após repudiar os deuses pagãos confira Santo Guerreiro.