Aprendendo com a própria história

  • Brochura R$64,90

R$64,90

Em estoque

Compartilhe:


Sinopse

Relatos emocionantes que mostram um momento de ebulição política e de rara firmeza para defender os ideais de liberdade, educação e justiça.

 

Em Aprendendo com a própria história¸ o educador Sérgio Guimarães conduz com sensibilidade e inteligência um diálogo com o Patrono da Educação Brasileira, fazendo de Freire um exemplo de como a própria caminhada é também fonte de diálogo e saber.

Famoso por seu pensamento inovador e por sua incessante luta contra as desigualdades, aqui Paulo incorpora o verdadeiro sentido da pedagogia e se torna, ele mesmo, educador e educando. Vida e pensamento, teoria e prática, tudo se une nos relatos de uma história ao mesmo tempo rica e simples, e que só poderia resultar naquilo que durante toda a vida ele mais prezou: aprendizado.

Além disso, Sérgio busca personagens que inspiraram e compartilharam momentos importantes desse aprendizado. Paulo de Tarso dos Santos, ministro da Educação e Cultura quando Freire trabalhou em Brasília, conta histórias sobre a política dos anos 1960. Já Clodomir Santos Morais, companheiro de cadeia de Paulo, fala de suas experiências de vida e da relação do amigo com o Vaticano.

Aprendendo com a própria história nos ensina sobre simplicidade, lealdade e amizade e nos faz descobrir como tudo pode ser objeto do conhecimento. O livro representa toda a sua teoria e ideais, pois nada mais é do uma vida em palavras. E, diante dela, pouco nos resta além de nos tornarmos, tal como Freire, educandos e educadores.

Sobre o autor

Paulo Freire

Paulo Freire (Recife, 1921–São Paulo, 1997) é Patrono da Educação Brasileira. É um dos brasileiros mais célebres e um dos filósofos do século XX mais lidos do mundo, segundo levantamento do Massachusetts Institute of Technology. Escreveu dezenas de livros, entre eles, Pedagogia do oprimido, a terceira obra de ciências sociais e humanas mais citada no mundo, de acordo com a London School of Economics.
Em 1963, em Angicos, interior do Rio Grande do Norte, trezentos trabalhadores rurais foram alfabetizados em apenas 40 horas, pelo método proposto por Paulo Freire. Esse foi o resultado do projeto-piloto do que seria o Programa Nacional de Alfabetização do governo de João Goulart, presidente que viria a ser deposto em março de 1964. Em outubro desse mesmo ano, Freire deixou o Brasil para proteger a própria vida. Apenas voltou a visitar o país em 1979, com a abertura democrática.
Ao longo de sua história, Paulo Freire recebeu mais de cem títulos de doutor honoris causa, de diversas universidades nacionais e estrangeiras, além de inúmeros prêmios, como Educação para a Paz, da Unesco, e Ordem do Mérito Cultural, do governo brasileiro. Integra o International Adult and Continuing Education Hall of Fame e o Reading Hall of Fame.

Sérgio Guimarães
Sérgio Guimarães

Características

  • ISBN: 978-85-7753-432-6
  • Formato: Brochura
  • Suporte: Texto
  • Altura: 21cm
  • Largura: 13.5cm
  • Profundidade: 1.6cm
  • Lançamento: 27-09-2021
  • Páginas: 352