Oferta!
 

Boa ventura!

A corrida do ouro no Brasil (1697-1810)

Autor(es): Lucas Figueiredo
Editora: Record
  • Brochura R$59,90 R$39,90

R$59,90 R$39,90

Em estoque

Compartilhe:


Sinopse

A história da primeira loucura a varrer o solo brasileiro: a corrida do ouro que ajudou a forjar nossa nação.

Chuva na cabeça, sol na nuca, peste, fome, feras, canibais. Traições, intriga e corrupção. Esses são os ingredientes dessa aventura. Quando a esquadra de Pedro Álvares Cabral se desviou à direita do continente africano, sua bússola era a cobiça. Cravo e canela podiam render um bom dinheiro no Velho Mundo, mas eram as esperanças de ouro e prata que incendiavam o coração lusitano. E as cortes europeias. Em Boa ventura!, Lucas Figueiredo traz à vida, pela primeira vez, a trajetória dura e demorada em direção à descoberta de nossas riquezas minerais – e suas consequências.

Desde Manuel I, o venturoso, e sua improvável ascensão ao trono dos Avis, a obsessão lusitana por enriquecimento fácil tinha fincado suas raízes. E deitado ao mar milhares de homens pouco afeitos ao trabalho duro na terra. Mas afoitos pelo El Dorado. A sorte da Espanha em seu quinhão de América só servia para aquecer os delírios de nossa metrópole. Incontáveis expedições se aventuraram – e pereceram – nos sertões brasileiros em busca de qualquer coisa que reluzisse. Nosso próprio Sabarabuçu, versão tupiniquim da boa ventura espanhola.

A América Portuguesa estava entre as nove províncias gemológicas do mundo. Com um solo impregnado de pedras preciosas, sobretudo, diamantes. Mas foram mais de dois séculos até a Coroa ver algum sinal de riqueza. E apenas a metade do tempo para dilapidar esses recursos. Em cem anos, Portugal torrara mais da metade do metal precioso produzido no mundo naquele período.

Uma sucessão de monarcas perdulários, administradores corruptos e sonegadores de impostos desfilam nas páginas de Boa ventura! com a familiaridade nascida da boa pesquisa. Lucas Figueiredo, com vários Prêmios Esso na bagagem, segue as pegadas fincadas nas picadas da mata por gerações de aventureiros. E traça um painel da grande transformação brasileira: estimulada pela corrida do ouro, a imigração contribuiu para transformar uma colônia esquálida de 300 mil habitantes em robusta colônia de 3,6 milhões. A busca pelo metal ajudou a ocupar e proteger as fronteiras do Brasil, a desenvolver a agricultura e até mesmo as artes. Só uma coisa não restou desse período… Seu principal protagonista: o ouro brasileiro. Pulverizado por toda a Europa.

Sobre o autor

Lucas Figueiredo

Jornalista e escritor Lucas Figueiredo nasceu em Belo Horizonte em 1968. É pesquisador da Comissão Nacional da Verdade e consultor da Unesco. Entre os mais de vinte veículos que veicularam suas reportagens, estão Folha De S.Paulo, rádio BBC de Londres e revista Défis Suo da Bélgica. Recebeu três vezes o Prêmio Esso, duas vezes o Prêmio Vladimir Herzog, além dos Prêmios Jabuti, Imprensa Embratel e Folha de S.Paulo. Cinco de seus sete livros-reportagem foram publicados pela Record: Morcegos negros, Ministério do silêncio, O operador, Olho por olho e Boa ventura!

Características

  • ISBN: 978-85-01-08983-0
  • Formato: Brochura
  • Suporte: Imagens; Texto; Mapas
  • Altura: 23cm
  • Largura: 15.5cm
  • Profundidade: 2.1cm
  • Lançamento: 10-03-2011
  • Páginas: 368