Cadernos do cárcere (Vol. 3)

  • Brochura R$59,90 R$53,90

R$53,90

Compartilhe:


Sinopse

Neste volume, Gramsci faz um estudo sobre as ideias de Maquiavel e prova que o pensador não apenas especulou sobre a realidade, mas criou uma sólida linha filosófica sobre governos e governados.

 

“Os leitores familiarizados com Antonio Gramsci e os novos, já uma legião, têm aqui o terceiro volume da edição brasileira dos famosos Cadernos do cárcere. Trata-se do volume em que brilham os temas talvez mais caros ao grande pensador socialista italiano: os relativos ao Estado, às questões da hegemonia e à política, incluindo-se o famosíssimo estudo sobre Maquiavel. Ainda assim esta é uma opinião arriscada, pois o pequeno grande sardo nunca considerou menor qualquer tema que dissesse respeito aos dilemas humanos. A atualidade de Gramsci é quase covardia perante outros paradigmas e teorias que, sucessivamente, sucumbem às novas configurações das grandes encruzilhadas da história. O pensamento de Gramsci os enfrenta com galhardia, em sua complexidade, exatamente porque nunca reduziu a realidade a modelos que, por mais elaborados que sejam, padecem, inevitavelmente, do mal reducionista.” – Francisco de Oliveira

“Nos Cadernos, o partido político operário é visto como o centro de uma ampla trama de instituições sociais e políticas, através das quais se realiza o avanço de uma classe e de seus aliados, ou seja, de forças sociais, de massa. A atenção voltada para os aparelhos de hegemonia, para as ideologias, para a fenomenologia dos partidos políticos, tem como objetivo investigar o modo pelo qual é possível realizar o amadurecimento de uma nova relação entre os ‘simples’ e a política. Toda a investigação gramsciana gira em torno desta pergunta;a distinção entre governantes e governados deve ou não ser perpetuada? Nas posições de Gramsci já existe algo que não só seleciona determinados aspectos do leninismo, privilegiando-os diante de outros, mas que também ‘força’ o sentido deles e os desenvolve. Ele encaminha uma inovação com relação a Lenin, mas sem abandonar o patrimônio positivo contido no leninismo.” -Pietro Ingrao

Sobre o autor

Antonio Gramsci

Antonio Gramsci (1891-1937) foi um ativista político, jornalista e intelectual marxista italiano, um dos fundadores do Partido Comunista da Itália.

Características

  • ISBN: 978-65-5802-022-6
  • Tradutor: Luiz Sérgio Henriques;Marco Aurélio;Coutinho, Carlos Nelson Nogueira
  • Formato: Brochura
  • Suporte: Texto
  • Altura: 22.5cm
  • Largura: 15.5cm
  • Profundidade: 2.6cm
  • Lançamento: 09-08-2022
  • Páginas: 426
  • Volume: 3