Capa de Educação como prática de liberdade
eBook
 

Educação como prática da liberdade

Autor(es): Paulo Freire
Editora: Paz & Terra
Selecione o formato

R$42,90

Como Comprar
Compartilhe:

Sinopse

Não devemos nos espantar diante de um caráter voluntariamente oral destas páginas; do movimento contínuo do pensamento que obriga o leitor a prestar uma constante atenção; e do seu ritmo, em que cada ponto e parágrafo marcam uma pausa para o leitor poder refletir e organizar uma reação esperada. É por esta dialética da continuidade (no fluxo da fala) e da descontinuidade (nas pausas da reflexão) que se pode educar para responder aos desafios de uma sociedade em trânsito.
Porém, a oralidade de Paulo Freire não expressa só o seu estilo pedagógico. Revela, sobretudo, o fundamento de toda a sua práxis: a certeza de que o homem foi criado para se comunicar com os outros.
Em Educação como prática da liberdade, o cristão militante que é Paulo Freire se permite falar em liberdade, em democracia e em justiça porque crê nestas palavras e no seu poder libertador, à medida que encarnam sua fé inteira. A palavra, acredita, pode deixar de ser o veículo das ideologias alienantes e de uma cultura ociosa para tornar-se geradora, isto é, instrumento de uma transformação global do homem e da sociedade. Para tanto, propõe um diálogo – sempre a partir da reflexão social – que não deixa ninguém à margem da vida nacional. Educação e política se fundem.
Neste livro, Paulo é, como poucos, porta-voz daqueles que precisam elaborar criticamente a própria conscientização. É o promotor da integração responsável e ativa numa democracia a fazer, num projeto coletivo e nacional de desenvolvimento. Para isso, nos oferece toda a sua experiência como homem e educador. Cada vez mais, Paulo Freire é um nome que precisamos recordar e seguir.

Sobre o autor

Paulo Freire

Paulo Freire (Recife, 1921–São Paulo, 1997) é Patrono da Educação Brasileira. É um dos brasileiros mais célebres e um dos filósofos do século XX mais lidos do mundo, segundo levantamento do Massachusetts Institute of Technology. Escreveu dezenas de livros, entre eles, Pedagogia do oprimido, a terceira obra de ciências sociais e humanas mais citada no mundo, de acordo com a London School of Economics.
Em 1963, em Angicos, interior do Rio Grande do Norte, trezentos trabalhadores rurais foram alfabetizados em apenas 40 horas, pelo método proposto por Paulo Freire. Esse foi o resultado do projeto-piloto do que seria o Programa Nacional de Alfabetização do governo de João Goulart, presidente que viria a ser deposto em março de 1964. Em outubro desse mesmo ano, Freire deixou o Brasil para proteger a própria vida. Apenas voltou a visitar o país em 1979, com a abertura democrática.
Ao longo de sua história, Paulo Freire recebeu mais de cem títulos de doutor honoris causa, de diversas universidades nacionais e estrangeiras, além de inúmeros prêmios, como Educação para a Paz, da Unesco, e Ordem do Mérito Cultural, do governo brasileiro. Integra o International Adult and Continuing Education Hall of Fame e o Reading Hall of Fame.

Características

  • Formato: ePUB
  • Suporte: Texto
  • Lançamento: 31-03-2013