Oferta!
 

Judaísmo para todos

Selecione o formato

R$54,90 R$14,90

3 em estoque

Compartilhe:

Sinopse

Em Judaísmo para todos, Bernardo Sorj, defende a pluralidade da religião judaica. Ele mostra como a maioria dos pensadores judeus e dos movimentos sociais judaicos modernos definiram seu judaísmo sem referência à crença em Deus e seus mandamentos. O autor faz um breve panorama da história da religião e revela as causas da atual crise pela qual o judaísmo moderno passa.
O livro apresenta uma visão da história judaica em que a doutrina se adapta à sociedade e aos novos valores. A questão central, segundo o autor, é escolher o judeu que cada um quer ser. Bernardo Sorj revela como, atualmente, grande parte dos judeus não se filia a correntes religiosas e é cética em relação à existência de Deus. Ele explica que isso ocorre devido ao apelo decrescente dos movimentos judaicos não religiosos, como o Sionismo ou o Bund, que renovaram o judaísmo no século XX.
Segundo o autor, a crise do judaísmo moderno é fruto das transformações que as comunidades judias e as sociedades de uma forma geral sofreram nas últimas décadas. Para Sorj, a globalização, a disseminação do discurso dos direitos humanos e o multiculturalismo minimizaram o conflito da condição judia. Esta nova condição revelou os problemas e as contradições da percepção da realidade até então reinante.
As ideias do autor podem ser exemplificadas por grandes personalidades da história que assumiram uma postura diferenciada em relação ao judaísmo: Freud, Einstein, Spinoza, Hanna Arendt, Modigliani, Chagall e Kafka não se basearam em livros sagrados ou mandamentos divinos para afirmar uma identidade judaica.

Sobre o autor

Bernardo Sorj
Bernardo Sorj

Características

  • ISBN: 978-85-200-0908-6
  • Formato: Brochura
  • Suporte: Texto
  • Altura: 21cm
  • Largura: 14cm
  • Profundidade: 0.9cm
  • Lançamento: 11-02-2010
  • Páginas: 176
Gêneros: