Seminário celebra 80 anos de Antônio Torres

8/09/2020 567 visualizações

Os oitenta anos do escritor baiano Antônio Torres serão celebrados num seminário internacional organizado pela Academia de Letras da Bahia (ALB) com o Programa de Pós-graduação em Estudos Literários (PROGEL – UEFS) e o Grupo de Pesquisa CLIC (Crítica literária e Identidade Cultural) entre os dias 10 e 12 de setembro. Torres ocupa a cadeira nove da Academia Brasileira de Letras. O autor de obras emblemáticas como Meu querido canibal e O nobre sequestrador participará da mesa do dia 10, às 17h. Os interessados poderão assistir as mesas-redondas e sessões de comunicações através do canal do Youtube da PROGEL e da Universidade da Gente. Para mais informações clique aqui.

Nascido em Junco, um povoado no interior da Bahia, o autor trabalhou como jornalista e publicitário antes de estrear na literatura, em 1972, com o romance Um cão uivando para a lua. Quatro anos depois deu origem a Essa terra, seu maior sucesso, que já foi traduzido para seis idiomas. De lá para cá, o baiano já escreveu 11 obras publicadas pelo Grupo Editorial Record.

O olhar encantado e delicado, que deposita em seus romances, foi reconhecido dentro e fora do país. Em 1998, Antônio Torres foi condecorado pelo governo francês com o Chevalier des Arts et des Lettres. No Brasil, o autor já recebeu diversas premiações, incluindo o Hors Concours de Romance, da União Brasileira de Escritores, Prêmio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras, Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro, e o Grande Prêmio Cidade do Rio de Janeiro – 2016, concedido pela Academia Carioca de Letras.

Confira abaixo os livros escritos por Antônio Torres e publicados pelo Grupo Editorial Record:
– Essa terra
– Meninos, eu conto
– O centro das nossas desatenções
– Pelo fundo da agulha
– Carta ao bispo
– Adeus, velho
– O nobre sequestrador
– Um cão uivando para a lua
– Um táxi para Viena d’Áustria
– Meu querido canibal
– O cachorro e o lobo